segunda-feira, 9 de março de 2009

René Burri: Che

René Burri, usando uma teleobjetiva, fotografou Che Guevara em 1963 para revista Look:
" - Ele nos recebe no gabinete do Ministério da Indústria. Duas horas de conversa, duas horas de confronto, de extrema tensão. A jornalista Laura Bergquist, que acompanho, não só representa o inimigo ianque execrado, como pratica o jornalismo à americana, de pergunta-provocação: diante dela, aquele que é, aos olhos dos dirigentes e da opinião pública dos Estados Unidos, o homem a ser liquidado mais ainda que Fidel Castro, e que também não é mau de respostas-provocação. É o choque entre duas concepções de mundo inconciliáveis. Absolvido na discussão, Che não se importa comigo e não faz pose. Tiro assim oito filmes. Alguns negativos rodaram e rodam ainda o mundo."
Eric Godeau (Imagens que contam o mundo, 2007).
Fotos: © René Burri (Magnum Photos)

3 comentários:

Anônimo disse...

Meg, como andam as coisas? Enfim, como sempre seu blog surpreende, consegue trazer olhares e sentimentos que inspiram, emocionam.
Parabéns !
Outra coisa, esse é o Che ou o Benício Del Toro? Impressionante a semelhança.

Abraços e continue com esse trabalho de altíssima qualidade.
Bruno Villas-Bôas.

Meg Rodrigues disse...

Oi, Bruno

Muito obrigada. Está tudo certo.
Realmente, Benício Del Toro é um ótimo ator, faz uma verdadeira simbiose com o personagem.

Na minha opinião, René Burri fez a melhor foto de Che Guevara (a segunda imagem), embora seja mais conhecida a fotografia feita por Alberto Korda.

Um grande abraço

Clara disse...

Eu acho que as duas fotografias mostram duas facetas de Che. Enquanto a segunda imagem que a Meg refere mostra um Che poderoso, intimidante, a fotografia de Korda mostra uma faceta mais sonhadora, de esperança.

Beijinhos